Preservação de periódicos científicos raros

instrumento de seleção para avaliação de prioridades

  • Marilene Fragas Costa
Palavras-chave: Preservação. Conservação. Publicações científicas. Seleção para preservação. Obras raras.

Resumo

O presente trabalho teve como objetivo a elaboração de um instrumento de seleção para avaliação de prioridades para preservação de periódicos científicos raros. O instrumento proposto visa subsidiar os bibliotecários responsáveis por acervos raros na tomada de decisão, e sua aplicabilidade foi testada no acervo da Seção de Obras Raras Assuerus Overmeer da Biblioteca de Manguinhos/FIOCRUZ. A metodologia baseou-se em literatura consolidada existente na área, utilizando-se a pesquisa bibliográfica; descritiva e exploratória e as técnicas de pesquisa: abordagem materialística, avaliação de categorias/critérios, pesquisa de campo e amostragem probabilística aleatória sistemática. Na elaboração do instrumento foi utilizada a pesquisa por abordagem materialística, que apresenta uma estrutura por categorias divididas em três classes, as quais, foram ampliadas para dez classes. A sistematização das dez classes foi realizada, tendo como embasamento um quadro de avaliação das categorias/critério em uma sequência de pesos de 1 (um) a 3 (três), e o somatório final foi o parâmetro referencial, a ser considerado pelo profissional na determinação das obras prioritárias para seleção de preservação e, consequentemente, receberem os tratamentos propostos, que podem ser: a conservação preventiva, a digitalização, a microfilmagem, ou se necessário, todos os tratamentos em conjunto. O universo da amostra resultou em 13 (treze) títulos de coleções do total de 673 (seiscentos e setenta e três) existentes no acervo. Conclui-se que os resultados da aplicação do instrumento mostraram objetivamente quais periódicos científicos raros deveriam ser prioritários no momento da seleção para posterior tratamento de preservação.

Referências

ATKINSON, Ross W. Seleção para preservação: uma abordagem materialística. In: HAZEN, Dan et al. Planejamento de preservação e gerenciamento de programas. 2. ed. Rio de Janeiro: Projeto Conservação Preventiva em Bibliotecas e Arquivos: Arquivo Nacional, 2001. p. 17-29.

BARBETTA, Pedro A. Estatística aplicada às Ciências Sociais. 7. Ed. Florianópolis: Ed. UFSC, 2011. 320 p. (Série Didática).

BECK, Ingrid. Papéis quebradiços ameaçam memória nacional. Ciência Hoje, Rio de Janeiro, v. 8, n. 47, p. 76-77, out. 1988.

CHILD, Margareth S. Considerações complementares sobre seleção para preservação: uma abordagem materialística. In: HAZEN, Dan et al. Planejamento de preservação e gerenciamento de programas. 2. ed. Rio de Janeiro: Projeto Conservação Preventiva em Bibliotecas e Arquivos: Arquivo Nacional, 2001. p. 31-40.

COSTA, Marilene F. Estudo para elaboração de instrumento de seleção para preservação de periódicos científicos raros: estabelecendo prioridades. 2015. 95f. Dissertação (Mestrado Profissional em Biblioteconomia) – Programa de Pós-Graduação em Biblioteconomia, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro.

GARLICK, Karen. Planejamento de um programa eficaz de manutenção. In: OGDEN, Sherelyn; GARLICK, Karen. Planejamento e prioridades. 2. ed. Rio de Janeiro: Projeto Conservação Preventiva em Bibliotecas e Arquivos: Arquivo Nacional, 2001. p. 21-29.

HAZEN, Dan C. Desenvolvimento, gerenciamento e preservação de coleções. In: HAZEN, Dan et al. Planejamento de preservação e gerenciamento de programas. 2. ed. Rio de Janeiro: Projeto Conservação Preventiva em Bibliotecas e Arquivos: Arquivo Nacional, 2001. p. 7-15.

INSTITUTO BRASILEIRO DE INFORMAÇÃO EM CIÊNCIA E TECNOLOGIA (IBICT). Catálogo Coletivo Nacional. Disponível em: http://www.ibict.br/informacao-para-ciencia-tecnologia-e-inovacao%20/catalogo-coletivonacional-de-publicacoes-seriadas%28ccn%29/sobre-o-ccn. Acesso em: 21 de jun. 2015.

OGDEN, Sherelyn. Planejamento para preservação. In: OGDEN, Sherelyn; GARLICK, Karen. Planejamento e prioridades. 2. ed. Rio de Janeiro: Projeto Conservação Preventiva em Bibliotecas e Arquivos: Arquivo Nacional, 2001. p. 7-15.

WEITZEL, Simone R. Elaboração de uma política de desenvolvimento de coleções em bibliotecas universitárias. Rio de Janeiro: Interciência; Niterói: Intertexto, 2013. 110 p.
Publicado
26-11-2020
Como Citar
COSTA, M. Preservação de periódicos científicos raros. REVISTA ELETRÔNICA DA ABDF, v. 4, n. Especial, p. 66-85, 26 nov. 2020.